Skip to main content
Menu

Oito pessoas são detidas, cinco veículos são recuperados e uma arma de fogo é apreendida pela PRF na Paraíba

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Paraíba realizou, no decorrer de fiscalizações efetuadas entre os dias 26 e 28 de janeiro, a recuperação de cinco veículos e apreensão de uma arma de fogo com dez munições prontas para uso. Ao todo, oito pessoas foram detidas durante as ações distintas, dentre os crimes flagrados estão os de apropriação indébita, embriaguez ao volante, furto, adulteração e porte ilegal de arma de fogo. Também ocorreu a prisão de um indivíduo que tinha um mandado de prisão por não pagamento de pensão alimentícia em seu desfavor.

A primeira ocorrência se deu às 07h10, na última sexta-feira (26/01/2024), no município de Campina Grande-PB, na BR-230, próximo à Unidade Operacional (UOP) da PRF no município, quando agentes da PRF avistaram um Vectra Hatch e deram ordem de parada. Seguindo os protocolos de fiscalização, foram realizadas consultas aos sistemas de segurança com a identificação do carro. Foi constatada a existência de registro de apropriação indébita em seu desfavor, o veículo teria sido alugado e nunca devolvido. Diante das circunstâncias evidenciadas, o condutor, um homem de 31 anos, foi detido e encaminhado para a Delegacia de Polícia Judiciária, onde poderá responder criminalmente por apropriação indébita.

Também na manhã do dia 26 de janeiro, por volta das 10h25, também na BR-230, desta vez no município de Pocinhos–PB, foi dada ordem de parada a um caminhão VW/15.180 CNM por policiais da PRF. Na oportunidade, foram solicitados os documentos de identificação veicular e pessoais do condutor. Por meio de consultas aos sistemas de segurança e ao Banco Nacional de Mandados de Prisão (BNMP), foi verificada a existência de um mandado de prisão por não pagamento de pensão alimentícia em desfavor do homem de 32 anos. Sendo assim, ele foi preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia Judiciária do município, onde ficará à disposição das autoridades cabíveis para cumprimento da pena imposta.

No final da noite, às 22h40, na BR-230, no município de Campina Grande–PB, a equipe da PRF foi comunicada que um Chevrolet Montana que havia sido furtado na manhã daquele dia estaria se deslocando em direção a João Pessoa–PB. Prontamente, foram realizadas diligências para abordar o veículo. Assim sendo, feito próximo à UOP do município. Durante a fiscalização, o condutor, um homem de 25 anos, informou ser proprietário da picape e estaria indo visitar um parente na capital paraibana. No entanto, em posse de um vídeo do momento do furto do veículo e na posse do boletim de ocorrência, os policiais exibiram para ele o vídeo, que logo em seguida confirmou ter cometido o crime. O homem foi detido por furto e encaminhado para a Central de Polícia de Campina Grande.

Na tarde do sábado (27/01/2024), por volta das 14h30, na BR-104, no município de Queimadas-PB, policiais rodoviários federais foram solicitados pela Força Tática da Polícia Militar para auxiliar na abordagem de um veículo Volkswagen T CROSS. Rapidamente, foram traçadas estratégias para interceptar o veículo, assim, sendo feito. Durante a fiscalização, foi encontrado na posse do condutor, um homem de 37 anos, uma pistola calibre 380 com 10 munições prontas para uso. A arma estava com a numeração raspada. O indivíduo não tinha porte de arma de fogo. O veículo estava adulterado. Por meio de consultas aos sistemas de segurança com elementos identificadores originais remanescentes, foi verificado um registro de furto ocorrido em julho de 2023 no município de João Pessoa-PB. O homem foi detido e encaminhado para a Delegacia de Polícia Judiciária do município, onde poderá responder criminalmente por adulteração de sinal identificador de veículo automotor e posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito.

Por volta de cinco horas após a ocorrência anterior, às 19h14, na BR-230, em João Pessoa-PB, policiais abordaram um Chevrolet Montana. Na ocasião, foi identificado que o condutor, um homem de 31 anos, havia sido contratado para transportar o veículo e uma carga de Sousa-PB com destino a Cabedelo-PB. Porém, não havia feito a entrega e não devolveu o veículo na hora marcada, há 13 horas, conforme boletim de ocorrência feito pelo proprietário. Questionado sobre a situação, o condutor relatou que foi a um prostíbulo, fez uma dívida de R$ 135,00 e não pagou, tendo a carga ficado retida. O indivíduo estava visivelmente embriagado, foi realizado teste do etilômetro, sendo constatado o teor de 0,35 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Ele foi detido e encaminhado para as autoridades cabíveis, onde poderá responder criminalmente por apropriação indébita e embriaguez ao volante.

Em João Pessoa-PB, também na BR-230, às 22h39, servidores da PRF avistaram um Fiat Palio se deslocando em zigue zague, pondo em risco todos os usuários da rodovia. Equipe da PRF realizou deslocamento até o seu encontro a fim de abordá-lo. Mesmo com sinais sonoros e luminosos ligados, o condutor insistia em não obedecer aos comandos de parada. Após cerca de um quilômetro, o automóvel obedeceu às ordens dos policiais. No decorrer da fiscalização, o condutor, um homem de 37 anos, apresentava sinais de estar com a capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool. Por meio do teste do etilômetro (bafômetro), foi comprovado o teor de 0,79 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. O condutor não era habilitado. Diante das constatações, ele foi detido e encaminhado para Central de Flagrantes, onde poderá responder criminalmente por embriaguez ao volante e dirigir veículo automotor, em via pública, sem a devida permissão para dirigir ou habilitação, ou, ainda, se cassado o direito de dirigir, gerando perigo de dano.

No domingo (28/01/2024), às 18h05, em Rio Tinto-PB, na BR-230, policiais avistaram um Corsa Wind com faróis adulterados, o que motivou a abordagem. Na oportunidade, seguindo os protocolos padrão, foram realizados os procedimentos de identificação veicular, momento em que foi verificada adulteração em alguns de seus elementos. Ao realizarem consultas aos sistemas de segurança com elementos originais remanescentes, foi constatada a existência de registro de furto ocorrido em julho de 2020, no Rio de Janeiro–RJ. O condutor, um homem de 31 anos, relatou ter adquirido o carro por meio de uma troca de moto com um familiar. Diante do flagrante, o indivíduo foi detido e encaminhado para a Delegacia de Polícia Judiciária, onde poderá responder criminalmente por adulteração.

Após três minutos da ocorrência anterior, às 18h08, desta vez no município de Pombal-PB, na BR-230, um veículo Fiat Uno foi abordado por agentes da PRF a fim de passar por uma fiscalização de rotina. No momento da abordagem, o condutor, um homem de 65 anos, realizou teste de etilômetro, onde foi constatado o valor de 0,69 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. O indivíduo foi detido e encaminhado para a Delegacia de Polícia Judiciária de Pombal, onde ficará à disposição das autoridades cabíveis pelo crime de embriaguez ao volante.

Todos os veículos recuperados passarão pelos trâmites cabíveis para serem devolvidos aos seus legítimos proprietários.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Assessoria PRF

Seja o primeiro a escrever um comentário.

Deixe uma resposta

Os campos obrigatórios estão marcados *

Você precisa estar logado para enviar um comentário

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE