Skip to main content
Menu

Em menos de 10 dias de trabalho, Câmara de vereadores de Pombal já gastou R$ 3.200 com diárias

A Câmara Municipal de Pombal começou 2023 com nova mesa diretora – após renúncia do Presidente eleito para o mandato, Rogério Martins – , e mostrando que não fará economia nos gastos do Poder, alguns deles envolvidos em polêmicas, como diárias.

Levantamento do Blog do Naldo Silva junto ao Tribunal de Contas do Estado aponta que em apenas 7 dias após o retorno às atividades – dia 23 de janeiro – , o Poder Legislativo já pagou R$ 3.255 com deslocamento de três parlamentares à Capital do Estado.

Esse valor corresponde a 67,8% dos pagamentos efetuados durante todo o ano de 2022, quando o presidente da Casa era o vereador Beto Xau (MDB), e foram gastos R$ 4.800 com diárias, em 12 meses.

Quem mais precisou da verba foi o atual presidente, Marcos Bandeira (MDB), que em 24 de janeiro, em viagem de 3 dias a João Pessoa, recebeu R$  1.953,00. A justificativa dada para o gasto foi “de realizar visitas ao Tribunal de Contas do Estado para efetuar consultas e entregas de documentação da Câmara ao escritório de representação de contabilidade pública e realizar serviços referente a demandas administrativas para o poder legislativo de Pombal”.

Já no dia 1º de fevereiro, foram efetuados pagamentos de duas diárias, no valor de R$ 651, cada, aos vereadores Romero Freitas (PL) e João Leite Filho (PSDB) para viagem a João Pessoa, “para efetuar visitas junto ao Tribunal de Contas do Estado, à Câmara Municipal de João Pessoa e Secretarias do Estado com a finalidade de realizar demandas administrativas de interesse do poder legislativo”.

Para efeito de comparação, os gastos com diárias nos últimos 10 anos da Câmara Municipal de Pombal, foram os seguintes:

2022: R$ 4.800 (Beto Xau – Presidente)

2021: R$ 0,00 (Beto Xau – Presidente)

2020: R$ 0,00 ((Paulo Tecidos/Josevaldo Feitosa – Presidentes)

2019: R$ 1.950,00 (Paulo Tecidos – Presidente)

2018: R$ 900,00 (Rogério Martins – Presidente)

2017: R$ 1.000,00 (Rogério Martins – Presidente)

2016: R$ 900,00 (José William de Queiroga – Presidente)

2015: R$ 3.300,00 (José William de Queiroga – Presidente)

2014: R$ 150,00 (Rogério Martins – Presidente)

2013: R$ 1.050,00 (Rogério Martins – Presidente)

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Blog do Naldo Silva

Seja o primeiro a escrever um comentário.

Deixe uma resposta

Os campos obrigatórios estão marcados *

Você precisa estar logado para enviar um comentário

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE