Skip to main content
Menu

Após abrir mão de R$ 18 milhões, Larissa Manoela consegue romper sociedade com os pais

A atriz Larissa Manoela conseguiu finalizar o processo de desvinculação da empresa que ela mantinha com seus pais, chamada Dalari Produções e Eventos. Ela havia tentado interromper a sociedade desde março de 2023, mas seus pais se recusavam a romper o vínculo.

Larissa optou por renunciar a um patrimônio avaliado em R$ 18 milhões, que permaneceu com seus pais.

A situação conflituosa veio à tona durante uma entrevista de Larissa ao programa Fantástico em agosto, na qual ela revelou que não tinha controle sobre seu próprio dinheiro no dia a dia e descreveu desentendimentos, incluindo pedidos de transferência via PIX que foram negados.

A juíza Andréa Galhardo Palma ordenou que a Junta Comercial do Estado de São Paulo registrasse oficialmente o direito de Larissa de se desligar do quadro de sócios, com a data de saída registrada como 2 de setembro de 2023.

A defesa da artista notificou os pais a respeito da resolução de sua saída da sociedade em 2 de agosto. A notificação extrajudicial foi devidamente recebida por eles, que concordaram com a decisão. Além disso, será necessário informar à Receita Federal e a quaisquer outros órgãos relevantes sobre essa resolução.

Originalmente, a sociedade era composta pela mãe Silvana de Jesus (49%), pelo pai Gilberto Elias (49%), e por Larissa Manoela (2%). Em 19 de junho de 2017, houve uma reorganização que distribuiu igualmente 33% para cada uma das partes em uma mudança nos sócios e na diretoria. Entretanto, em março de 2020, as cotas voltaram a ser divididas, com 49% para cada um dos pais e 2% para Larissa.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Paraíba.com.br

Seja o primeiro a escrever um comentário.

Deixe uma resposta

Os campos obrigatórios estão marcados *

Você precisa estar logado para enviar um comentário

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE