Nesta quinta-feira (09/11), servidores da saúde do município de São Bentinho no Sertão da Paraíba,pararam suas atividades em protesto pelo não envio à Câmara do Plano de Cargos Carreiras e Remuneração (PCCR), entregue a prefeitura desde 2015.

Conforme nota enviada a redação do HW COMUNICAÇÃO a prefeita Giovana Olímpio teria se comprometido com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Bentinho (SINSEMSB), em setembro de 2016, quando postulava sua reeleição ao cargo de gestora do município.


Ainda segundo a nota, na última reunião da gestora com o sindicato, ocorrida no mês de julho deste ano, Giovana teria dito que iria solicitar do contador do município o impacto do projeto na folha de pagamento do município.

Para o SINSEMSB, a prefeita estaria desrespeitando os servidores.

Abaixo confira a nota do SINSEMSB.

ATENÇÃO SÃO BENTINHENSES!

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Bentinho vem informar a toda população que os Servidores da Secretaria da Saúde deste município, FILIADOS A ESTA ENTIDADE e demais servidores efetivos como: dentista, enfermeiros, técnico em enfermagem, guarda, auxiliar de serviços gerais e Assistente de consultório dentário e demais categorias estarão PARALISANDO SUAS ATIVIDADES DURANTE TODO O DIA DE HOJE em protesto ao não envio para a Câmara Municipal de São Bentinho PB, do PLANO DE CARGOS CARREIRAS E REMUNERAÇÃO (PCCR), entregue a Prefeitura Municipal de São Bentinho desde o ano de 2015, com a convicção de seria realizado este pedido no mês de fevereiro de 2016.

Desde então, estamos esperando que a gestora assuma o compromisso assinado em setembro de 2016 ao concorrer a reeleição. Na última reunião com o SINDICATO a gestora disse que ia solicitar ao contador o impacto na Folha de Pagamento. Isso ocorreu em julho do corrente ano e até hoje a senhora prefeita não teve a menor consideração pelos profissionais da saúde e tampouco com o sindicato que os representa. Sabe-se que os recursos repassados neste ano de 2017 são bem maiores do que os recebidos em 2016, cerca de 10,65%.Até porque o número de funcionários efetivos é pequeno em relação com os recursos recebidos. Portanto, não sabemos por que a senhora prefeita não enviou o Plano da Saúde para a Câmara, já que não recebemos nenhum ofício comunicando ao sindicato a causa deste desrespeito com os que cuidam da Saúde deste Município.

A Diretoria do SINSEMSB

O espaço fica reservado, caso a prefeita Giovana Olímpio queira esclarecer o impasse com os servidores da saúde do município.

Henio Wanderley – HW COMUNICAÇÃO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.