Uma operação da Delegacia de Repressão a Entorpecentes de Campina Grande (DRE) terminou com a apreensão de 200 quilos de maconha hidropônica, popularmente conhecida como ‘Skank’ ou ‘supermaconha’, cultivada em laboratório e mais potente do que a maconha comum. A ação aconteceu nesta segunda-feira (04/09) em Campina Grande.
De acordo com a DRE, a droga é oriunda do Mato Grosso e seria distribuída entre João Pessoa e Campina Grande. Na ação, cinco suspeitos foram presos, entre eles dois foragidos da Justiça, e três veículos foram apreendidos.
Ainda conforma a DRE, essa foi a maior apreensão de drogas feita em 2017 em Campina Grande. 
HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Portal Correio

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.