O alívio do Palmeiras no difícil duelo contra o Boca Juniors pela Libertadores, nesta quarta-feira (11/04), durou pouco: após Keno abrir o marcador na reta final, um erro defensivo acabou permitindo a Carlos Tévez empatar a partida e ‘tirar’ dois pontos dos paulistas. Na saída de campo, os jogadores ainda pareciam decepcionados com o resultado final.

“É difícil de falar. Fizemos um jogo bom, conseguimos neutralizar o ataque deles”, avalia Thiago Martins, em entrevista ao canal SporTV. “Infelizmente, num vacilo nosso, eles empataram no final. Agora precisamos ver onde erramos, e melhorar para os próximos jogos.”

A visão é compartilhada pelo meia Keno, autor do gol do Verdão no Allianz Parque. Para ele, o time ainda precisa saber melhor como segurar os resultados.

“Isso acontece, mas precisamos ver esses gols, não podemos sofrer no final do jogo”, disse o jogador. “Isso nos atrapalha. Agora temos que descansar, pois temos muitos jogos pela frente.

“A gente sabe que é difícil, não tem jogo fácil na Libertadores. Ainda mais contra o Boca, dentro de casa, uma equpe de muita qualidade, muita força. Saímos na frente, o Tévez fez no final. Mas não é nada fácil.”

No entanto, Keno fez questão de deixar no passado o ‘trauma’ da derrota para o Corinthians no Campeonato Paulista, no último domingo (08/04).

“É complicado, mas o que aconteceu não volta mais atrás, é passado”, declarou. “É focar agora na Libertadores e no (Campeonato) Brasileiro.”

O Verdão estreia no Brasileirão contra o Botafogo, fora de casa, na próxima segunda-feira (16/04). A bola rola a partir das 20h, horário de Brasília.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Goal.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here