Uma sessão da Câmara Municipal de Cachoeira dos Índios, no Sertão paraibano, terminou em confusão e agressão. Na cidade os vereadores se reúnem apenas uma vez no mês.

O tumulto aconteceu quando o suplente de vereador Wesley Kayke estava discursando na tribuna fazendo críticas ao trabalho do Legislativo e o presidente da Câmara, Chico Brito, deixou o assento e partiu para agressão.

O vereador teria tentado expulsar o suplente do plenário da Câmara Municipal. O suplente afirmou que fez exame de corpo de delito para provar que sofreu as agressões.

O presidente Chico Brito negou que tenha agredido Kayke e disse que só tentou tirá-lo do plenário.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Paraíba.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.