O agricultor Sebastião Alves teve uma grande surpresa na última segunda-feira (01), quando chegou a sua roça no sítio Timbau, município de Serra Grande, Sertão do Estado.

Ao colher uma espiga de milho, o agricultor foi surpreendido com o formato do legume que é  semelhante a cabeça de uma serpente.

Logo a notícia se espalhou e moradores das redondezas quiseram ver de perto o formato da espiga.

Amigos aconselharam Sebastião a mandar uma foto da espiga para o programa Globo Rural da Rede Globo, para obter uma resposta.

Na localidade não se fala em outro assunto a não ser a espiga de milho, em formato de cabeça de serpente, encontrada na roça de seu Sebastião.

Um engenheiro agrônomo disse que o milho poderia ter sofrido algum problema genético que acabou gerando a má formação da espiga, fato que acontece com animais e até mesmo com seres humanos.

HW COMUNICAÇÃO com Diário do Sertão e Radar Sertanejo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here