Um elemento identificado por Geraldo Pereira da Silva, foi preso acusado de praticar um crime de perversidade quando esfaqueou um jumento por várias vezes na manhã desta terça-feira (14).
Fato esse que revoltou toda população do Conjunto Ronaldo Cunha Lima na zona norte de Cajazeiras, que acionou a polícia militar que rapidamente chegou ao local. 
O acusado estava em sua casa como nada tivesse acontecido sendo preso e encaminhado para delegacia.

Durante uma revista na casa do acusado foi encontrado uma espingarda soca – soca além da faca usada para furar o pobre do jumento “Chico preto” que estava interessada em uma jumenta pertencente ao acusado.

Uma mulher identificada por Maria de Fátima que vive com o acusado denunciou que Geraldo sempre faz ameaças dizendo que um dia vai matá-la.

Geraldo, esta detido na delegacia onde  responderá por porte de arma branca posse de arma de fogo e maus tratos a animais.

O jumento foi recolhido pela correição da Prefeitura de Cajazeiras, onde vai receber os devidos tratamentos.

HW COMUNICAÇÃO Com Ângelo Lima
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.