Por volta das 02h30min, deste sábado (21/10), a cidade de Pombal no Sertão da Paraíba, registrou mais um homicídio, sendo este o sexto crime de morte registrado na cidade neste ano de 2017.
O crime aconteceu na Rua Herculano José de Sousa, no Bairro dos Pereiros, tendo como vítima Valmir Ferreira da Silva “Valmir Aleijado” de 43 anos (foto abaixo).

De acordo com informações policiais dois homens encapuzados chegaram à residência da vítima efetuando quatro disparos de arma de fogo contra Valmir que veio a óbito no local.
Valmir já havia sofrido outras tentativas de homicídio e seria usuário de drogas.
As motivações do crime e a autoria ainda são desconhecidas. 
A Polícia Militar realizou diligências, um homem que havia se desentendido com a vítima dias antes do crime foi conduzido a Delegacia de Polícia Civil, onde prestou esclarecimentos.
O corpo de Valmir foi removido por uma equipe do Instituto de Polícia Científica (IPC) da cidade de Patos e será submetido a exames cadavéricos para posteriormente ser entregue aos familiares, para sepultamento.
Valmir era irmão do ex-vereador Miguel Ferreira.
Esse foi o segundo registro de morte neste mês de outubro na cidade de Pombal que já contabiliza seis homicídios neste ano de 2017.
CORPO ENCONTRADO:
No final da tarde desta sexta-feira (20/10), um corpo ainda não identificado, foi encontrado nas imediações do Assentamento Jacú, zona rural de Pombal.
Devido ao avançado estado de decomposição, o corpo foi encaminhado ao Instituto de Polícia Científica (IPC) da cidade de Campina Grande, que emitirá um laudo apontando as causas da morte e a identificação do mesmo.
Conforme a polícia, não há como dizer, se foi morte natural ou homicídio, só após o resultado que deve sair entre dez e vinte dias, será possível afirmar as reais causas da morte e a identificação do corpo.
Na Delegacia de Polícia Civil de Pombal, não há registros nos últimos dias de pessoas que estejam desaparecidas.
Henio Wanderley – HW COMUNICAÇÃO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.