A chegada de Paolo Guerrero aumentou o ânimo do Flamengo, que parecia pensar apenas em escapar da zona de rebaixamento. 
Com o time mais encorpado e com um ponto de referência no ataque, a esperança voltou, apesar de os últimos dois resultados – empate por 2 a 2 com o Santos e derrota por 1 a 0 para a Ponte Preta – não terem sido os mais desejados.
Porém, além do tropeço no interior paulista, a equipe carioca vai precisar superar a ausência do peruano para voltar a ganhar. 
Isso porque o centroavante foi advertido com o terceiro cartão amarelo diante da Ponte e será desfalque no confronto desta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), contra o Atlético-PR no Maracanã, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Guerrero estreou na vitória de 2 a 1 sobre o Internacional, mas desfalcou o time na derrota de 3 a 0 para o Corinthians, no Maracanã, no jogo seguinte, já que existia um acordo de cavalheiros entre os dois clubes. 
Nas vitórias de 1 a 0 sobre o Grêmio e sobre o Goiás o peruano teve participações decisivas, porém, diante do Santos e da Ponte Preta seu desempenho não foi tão brilhante.
Apesar dessas últimas atuações, Guerrero segue com status de ídolo no Flamengo e o terceiro cartão amarelo que recebeu desanimou parte da torcida e alguns colegas. O técnico Cristóvão Borges, porém, tenta lidar bem com a situação.
“O Guerrero é um grande jogador, muito importante dentro da nossa maneira de jogar e vai fazer falta. Mas com certeza vamos encontrar uma boa opção para a partida desta quarta-feira. Alguém que nos permite seguir com uma boa opção ofensiva”, disse Cristóvão.
O treinador só deverá confirmar a escalação nas atividades desta terça-feira. Gabriel surge como a primeira opção para o setor, embora tenha perdido muito espaço. Isso porque Marcelo Cirino e Paulinho seguem entregues ao departamento médico. 
Douglas Baggio corre por fora. Além de Guerrero, o Flamengo seguirá sem contar com o goleiro Paulo Victor, que não enfrentou a Ponte Preta por conta de um edema ósseo na perna direita, local onde vinha se recuperando de uma fratura. Cesar será mantido no gol.
“O Paulo Victor fez exames, vem reclamando de dores e estamos cientes da situação dele. Para quarta-feira o intervalo de tempo é muito curto. Vamos analisar para o fim de semana”, afirmou o treinador.
HW COMUNICAÇÃO
FONTE: Terra 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here