Apenados do presídio PB1 foram transferidos para presídios federais durante a madrugada desta quarta-feira (19/09), de acordo com informações da Secretaria de Administração Penitenciária. Apesar de confirmar as transferências, não foram revelados quantos presos foram transferidos nem seu destino.

Na madrugada do dia 10 de setembro, 92 presos conseguiram fugir da penitenciária de segurança máxima na Paraíba após a unidade prisional ter sido atacada por uma quadrilha.

Em todo o país existem quatro presídios federais, que são localizados nas cidades de Porto Velho, em Rondônia, Mossoró, no Rio Grande do Norte, Campo Grande, no Mato Grosso do Sul e Catanduvas, no Paraná.

Até o momento, 45 presos continuam foragidos. A polícia conseguiu prender 10 pessoas, sendo cinco homens e cinco homens, suspeitas de integrar o grupo responsável pelo ataque e resgate de presos.

O detento Livaci Muniz da Silva, conhecido como ‘Galeguinho’, natural da cidade de Pombal, no Sertão do Estado, também foi transferido para o presídio de Porto Velho, em Rondônia. Ele é um dos quatro presos que teriam motivado a ação de resgate no PB1, no último dia 10 de setembro.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Click PB