Em entrevista ao Portal Patos Online da cidade de Patos, Sertão da Paraíba, o delegado Gaudêncio Neto disse que o crime contra o adolescente José Rafael Pereira, 15 anos de idade, ocorrido na cidade de Quixaba foi executado com requintes de crueldade.

O corpo do menor foi encontrado por volta das 6h desta quinta-feira (13/09), com várias perfurações pelo corpo em baixo de uma ponte. Três suspeitos foram presos.

De acordo com o delegado, um suspeito levou o garoto até os executores do crime, que inicialmente tentaram mata-lo com um tiro de espingarda, que falhou, em seguida foi agredido e depois esfaqueado.

“tentaram abrir o corpo da vítima, mas não conseguiram porque a faca estava cega”, revelou Gaudêncio Neto.

Delegado falou sobre o crime em Quixaba, Sertão da Paraíba

O delegado explicou que a motivação do crime contra o menor foi devido aos assaltos que Rafael estava fazendo na região.

“Os algozes já planejam matá-lo porque o José Rafael estava realizando muitos assaltos, e isso estava atrapalhando os suspeitos”, contou o delegado, afirmando que os suspeitos demonstraram muita frieza e nenhum mostrou arrependimento.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Diário do Sertão