Os servidores da Empresa de Correios e Telégrafos do Brasil anunciou que vai entrar em greve a partir da próxima segunda-feira (12/03), nas principais cidades do território nacional. Dentre as reivindicações dos funcionários estão a regra que excluí os pais como dependentes do plano de saúde, além das cobranças de mensalidades aos usuários.

O movimento é por tempo indeterminado, e segundo representantes de sindicatos em todos os estados a greve será por tempo indeterminado. A manifestação ocorrerá um dia antes da votação no Tribunal Superior do Trabalho (TST), aonde será julgado a pauta das cobranças de mensalidades para o plano de saúde.

A alegação dos movimentos sindicais da categoria alega que o valor cobrado compromete a renda dos servidores, já que a maioria recebem salários de R$ 1 mil a R$1,7 mil. Além disto a categoria cobra um plano de revisão da empresa nas últimas demissões em massa, acúmulo de trabalho e déficit de carteiros para realizar as entregas.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Tribuna Hoje

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.