O Corinthians acertou uma surpreendente contratação no final da tarde desta sexta-feira (23/02). Em busca de um nome de peso para substituir Jô, vendido para o Nagoya Grampus-JAP, o Alvinegro selou a contratação por empréstimo de um ano de Alex Teixeira, atacante que pertence ao Jiangsu Suning-CHN. Agora, o clube corre contra o tempo para regularizá-lo a tempo da disputa da fase de grupos da Copa Libertadores da América.

A informação foi publicada pela Rádio Globo, que explicou a negociação como um trunfo inesperado do Alvinegro para surpreender o mercado. Aos 28 anos, Alex deixou o Vasco ainda jovem para ir ao Shakhtar Donetsk, onde se destacou por sete temporadas. Em 2016, foi negociado por incríveis R$ 216 milhões com o Jiangsu, o qual defendeu nas últimas duas temporadas.

Apesar de ter atuado como um ponta na maior parte da carreira, ele tornou-se uma espécie de segundo atacante no futebol chinês. Há a esperança tanto da diretoria quanto da comissão técnica que ele possa se adaptar rapidamente à função de centroavante, principal carência corintiana para a temporada, principalmente pela força física do atleta.

Pouco antes do acerto, em entrevista concedida no estádio de Itaquera, o técnico Fábio Carille revelou que Sidcley e Ralf seriam inscritos no Campeonato Paulista e enfatizou que, para a Libertadores, o prazo era maior. O treinador ainda fez questão de lembrar que poderia trocar nomes no Estadual a partir do mata-mata.

“Não sou de ficar lamentando e a palavra não é se virar. É um desrespeito com os atletas que estão aqui. Tenho que trabalhar no que tiver. Domingo só que fecha a lista da Libertadores. No Paulista entram esses dois hoje e, daqui quatro rodadas, tenho mais quatro vagas para tocar”, comentou o comandante.

Para que Alex possa defender o Alvinegro na Libertadores, o Timão poderia inscrevê-lo na lista inicial dos 30 atletas e, depois, regularizar sua situação com a CBF até as 14h (de Brasília) da terça-feira. Há otimismo no clube quanto a essa possibilidade. Em pré-temporada, Alex deve esperar algumas semanas para estar apto a jogar.

Em números, Alex justifica bem a aposta corintiana no seu nome: pelo Vasco, no início da carreira, foram 13 gols em 92 jogos disputados. Depois, 87 gols em sete temporadas pelo Shakhtar Donetsk-UCR, complementados com 25 nas duas temporadas no futebol chinês.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Gazeta Esportiva

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here