Davi Francisco Correia (Dr.
Correia-FOTO), 59 anos, natural da cidade de Pombal, mas que residia na cidade de
Paulista, foi assassinato em seu estabelecimento comercial, um bar, situado às
margens do Rio Piranhas em Paulista.
O crime aconteceu por volta
das 16 horas de ontem, de acordo com a polícia a arma utilizada no crime seria
uma pistola ponto 40, e pelo menos quatro disparos atingiram o comerciante, que
morreu no local.
Os tiros atingiram a cabeça
da vítima, a polícia ainda realizou diligencias nas redondezas, mas ninguém
preso.
O corpo do comerciante foi
removido para o IML de Patos, onde foi periciado e deverá ser entregue à
família na manhã desta quinta-feira para seu sepultamento.
Esse foi o segundo homicídio
registrado em Paulista neste ano de 2015, o primeiro crime contra a vida foi
registrado durante a semana Santa, na sexta-feira santa dia 03 de abril, quando
o jovem Marcelo de Lucena Farias, foi assassinado por conta de um som no sítio
Orondongo zona rural de Paulista.
RELEMBRE:
Homem é assassinado
por conta de uma “música”, na zona rural de Paulista
Na tarde desta Sexta-feira
Santa (03), um jovem de 27 anos foi assassinado pelo próprio primo na zona
rural de Paulista.
Conforme foi repassado a
reportagem do portal HW COMUNICAÇÃO, o crime teria sido motivado por conta de
uma música, que a vítima se negou a tocar.
A vítima identificada por
Marcelo de Lucena Farias, 27 anos (FOTO), foi baleada na barriga e tórax.
Marcelo ainda foi socorrido
para o hospital da cidade, mas morreu quando recebia atendimento médico.
O acusado José Justino dos
Santos Filho, de 36 anos, foi dominado por populares que acionaram a Polícia
Militar que efetuou a prisão do mesmo.
José Justino estava com um
revólver calibre 38 que teria sido usado no crime.
Ele foi autuado pelo
homicídio na Delegacia de São Bento e foi transferido para o presídio de Catolé
do Rocha, onde permanecerá à disposição da justiça.
De acordo com populares
vítima e acusado bebiam no mesmo bar.
Esse foi o primeiro homicídio
de 2015 na cidade de Paulista.
Henio Wanderley – HW COMUNICAÇÃO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.