A população de Pombal, no Sertão paraibano, está usando as redes sociais para demonstrar revolta por causa da falta de segurança na região. Uma onda de crimes, com destaque para assaltos a residências, estabelecimentos comerciais e homicídios sumários, tem assustado os moradores.

Neste sábado, um professor que foi vítima de assalto juntamente com sua família desabafou num grupo de WhatsApp clamando por mais policiamento na área.

Dois bandidos armados de revólver e pistola invadiram sua residência por volta das 7h, renderam ele, a esposa e outros familiares e levaram vários objetos, entre os quais joias, relógios e celulares.

O detalhe é que a esposa do professor, que também leciona em duas faculdades na cidade de Cajazeiras, estava na varanda com sua filha no colo, um bebê de apenas 30 dias, mas os bandidos ignoraram a presença da criança e o fato de a mulher estar cirurgiada. Eles apontaram as armas para a professora com a criança nos braços e a obrigaram a entrar.

No seu desabafo, o professor enaltece o trabalho da polícia, mas diz que é preciso aumentar o contingente e equipar melhor os policiais.

HW COMUNICAÇÃO

Fonte: Diário do Sertão 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.