A falta de consciência e de respeito das pessoas parece não ter limites. Na noite desta segunda-feira (17/09), após o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), deferir o registro de candidatura da ex-prefeita de Pombal, no Sertão da Paraíba, Pollyana Dutra (PSB), que disputa uma vaga de deputada estadual, correligionários da ex-prefeita saíram as ruas da cidade em comemoração.

No entanto, durante a ‘carreata’, uma verdadeira ‘baderna’ foi realizada ao lado do Hospital Regional de Pombal (HRP), desrespeitando e ignorando pacientes e a própria unidade de saúde.

Gritos, buzinas e até fogos de artifício foram utilizados durante o evento político, que passou em frente a Companhia de Polícia Militar [Rua Vicente de Paula Leite] e ao lado do HRP [Rua Jeronimo Rosado], fato que poderia ocasionar susto e até agravar o estado clínico dos pacientes internados na unidade.

Apesar das proibições relacionadas ao uso de equipamentos sonoros em manifestações públicas a uma distância inferior a 200 metros de hospitais, bibliotecas públicas, igrejas e escolas, a certeza da impunidade e a falta de consciência faz com que atos dessa natureza continuem acontecendo na cidade, sem que nenhuma providência seja adotada pelas autoridades.

Na cidade, são constantes as críticas da imprensa em relação aos atos políticos que são realizados durante os períodos de campanhas nas imediações da unidade de saúde.

HW COMUNICAÇÃO